PEIXINHO

domingo, 22 de setembro de 2013

MEU REINO DOS BRIGADEIROS




Construí uma casinha
Toda feita de maldades
Ali deixei bem trancado
Delicias de chocolates...

Era uma loucura boa
Tudo feito se espalhavam
Depois começava juntar
Era só no granulado passar...

E naquela bagunça toda
Até a mesa se mexeu
Os gostosos brigadeiros
Na forminha se meteu...

E logo a porta se abriu
O cheiro se espalhou
A garotada apareceu...

E num piscar de olhos
Nem se quer esfriou
E de dois em dois
A molecada devorou...

E eu não sou boba nem nada
Na folia logo cai
Fui arteira virei criança
Coisa boa essa comilança...