PEIXINHO

quarta-feira, 27 de março de 2013

MISSÃO...









MISSÃO
Se eu puder tocar
no coração de uma pessoa
já terei marcado
o meu destino de poeta

Não quero me exibir
através das palavras

Ser uma operária
do som e da rima
é meu ofício, minha sina

E se eu puder provocar
numa só pessoa
uma lágrima
ou um riso
mínimas festas
já terei vivido
o meu destino de poeta.

Maria do Carmo Bomfim

Para Ira, amiga.