PEIXINHO

segunda-feira, 29 de abril de 2013

SOU...




Como a lua
Que escandaliza a noite
Num bailado soberbo
Desce seus raios
Espalha loucuras
Esbanja no mar
Desejos obscenos
Ora em versos cantados
Com aromas de sândalo
Ora rabiscos excitantes
Desejos de mim
Ora sou eu assim...
De Irá Rodrigues
29/04/2013