PEIXINHO

sábado, 10 de agosto de 2013

AMIGOS...




 De mentes conturbadas
Não são mais que palhaçadas
Que escrevem versos
Fazendo arruaças...

Amigo
De coração inquieto
Sentimento insistente
Mágoa inconsciente...

Amigo
De coração pedregoso
Difícil ser lapidado
Descuidado
Teimoso...

Amigo
Eu apenas lamento
O teu silencio abafado
Nessa mente doentia

Torna-te um alucinado...