PEIXINHO

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

ARREPIA...





No silencio da noite
Viro um pacote colorido
Desembrulha-me
Arranca meus laços de seda
Meu papel de cetim
Desnuda meu lado oculto
Na ousadia de conhecer
Rasque o papel
Nessa doce surpresa
Vem ser você...
Colhe-me como se fosse uma flor
Esquecida no jardim da vida
De maciez e odores
De cheiros de jasmim...
Quero amor assim
Desenhando contornos
De formas abstratas
De prazeres contidos
Você inteiro em meu sentido...
Amor semeador
Que rega
Suga
Deságua
Mexe remexe
Arrepia...

AMO CADA VISITINHA... LEIAM CURTAM MAS RESPEITEM OS DIREITOS AUTORAIS.. BEIJINHOS IRÁ RODRIGUES