PEIXINHO

quarta-feira, 22 de maio de 2013

SOU MEIO BOBA



Em tudo vejo romantismo
Não conheço sofrimentos
Descarto a desilusão
Deixo florir meus sentimentos...
Sou sonhadora
Sou pássaro livre ao vento
Em meus sonhos
Sou tragada pelo tempo...
Sou assim meio boba
Viro rio que em você desagua
A terra que em teus braços enxagua...
Nesse mar de encantos sou tudo
Sou queimada por teus lábios
Afogada na paixão
Sou até tua desilusão...
Acordo...
Imagino ser a brisa nos teus cabelos
Num vendaval de paixão
Sou a natureza inteira
Sou a própria sedução...
Sou os passos que no silencio
Corre lento para o infinito...
Sou assim meio boba...

Irá Rodrigues - 22/05/2013
http://poemasdemulher.blogspot.com.br/