PEIXINHO

terça-feira, 2 de julho de 2013

VIAJO NO FRESCOR DA NOITE





Num sopro de vento
Numa corrente de mar
Na calda de um cometa
Num alucinante galopar...

Viro a noite sou feiticeira
Dona da vida certeza do eu
Liberdade vencida
No retorno da ida...

Toco harpa na beira do mar
Danço um tango
Encanto a lua
Nas aguas cintilantes
Jogo-me toda nua..