PEIXINHO

sábado, 25 de agosto de 2012

NO DESPERTAR DOM DIA


No despertar do dia

Olho os jardins encanto-me
Não sei se o roseiral é branco ou amarelo
Ou se nessa mistura encantada
Esconde-se um amor singelo...

Num lampejo do olhar cores dentro de mim
Se você procurar no recanto da tua alma
Em te também vão florir canteiros
De rosas e amores perfeitos...

Ao sol nascer, borboletas coloridas
Pousam aqui e ali pintando alegria
Trazem frescor de margaridas
E esperança pra espalhar fantasia...

Assim é bem dentro n'alma.
Se nuvens quiserem te sombrear o dia,
Desenha teu jardim de poesia
Envolto em paz, ternura e calma

.......
Ira Rodrigues & Tixa Falchetto